DEZEMBRO 2011

 

 

Nguyen Thanh – Hanoi / Vietnã

 

Você obtém suas principais lições de vida a partir de suas viagens. Qual a melhor maneira de ser receptivo às estas lições?

 

Alcançamos a maior receptividade quando deixamos a nossa observação intuitiva assumir nossos padrões de pensamento fixo. Quando eu visito novos lugares e entro em contato com novas culturas, tento abordar todas as situações com agilidade e objetividade Tento não julgar o mínimo possível, nem mesmo interpretar ou valorizar apenas um desejo de não mudar o conhecimento obtido e para absorvê-lo.

 


 

Sylvia Writers – São Francisco / Califórnia

 

"Tudo somos Um" é uma declaração que estamos ouvindo com frequência crescente Você poderia explicar isto melhor?

 

Estas palavras se referem à substância eterna da qual tudo se origina e para a qual tudo retorna no final. Esta substância é composta de aspectos intermináveis da matéria e do espírito que, por sua vez, consistem em numerosas aparições temporárias. Isto também se aplica a nós como observadores. Se tudo o que existe é de um e o mesmo espírito, podemos dizer que este espírito contempla a si mesmo através dos olhos dos diferentes observadores. E que também se aplica a cada pensamento Um pensamento nunca pode refletir mais do que apenas um fragmento da realidade. Se nos debruçarmos sobre isto o tempo suficiente, entenderemos que tudo está conectado entre si e assim consiste em uma e a mesma coisa.

 


 

Szymon Knieczny – Wroclaw / Polônia

 

Muitas pessoas sofrem de etnocentrismo. Quanto isto é perigoso e como isto pode ser remediado?

 

As pessoas etnocêntricas colocam sua própria cultura no centro de sua maneira de pensar. O etnocretrismo é a causa principal do racismo, sectarismo e outras formas de discriminação. Pessoas que sofrem de etnocentrismo geralmente têm uma atitude hostil ou negativa em frente a outras culturas e consideram os hábitos, as crenças e os costumes de sua cultura como sendo corretos e superiores. Para elas, a própria cultura funciona como um campo de força forte, emocional. Isto leva ao triste efeito que elas impõem seu condicionamento sócio-cultural e o medo correspondente e a ignorância para a próxima geração. Só existe um remédio contra etnocrentrismo: deixar ir os conceitos doutrinários um por um e permitir que nosso espírito de liberdade pense por si próprio.

 


 

Maryori Vivas – Bogotá / Colômbia

 

Em que você deve prestar atenção quando deseja escrever literatura universal?

 

A literatura universal é como vaguear entre a forma e o disforme, onde tentamos expor a não formação. Por isto primeiramente temos que processar a receptividade necessária para que possamos reconhecer as mensagens que se aplicam sempre e em qualquer lugar. Em seguida, devemos mostrar a criatividade requerida para apresentar a natureza destas mensagens com as combinações de palavras adequadas, independente de todas as características externas, das propriedades culturais e incidentais.