JANEIRO 2013

 

 

Angelica e Angelina – Bruxelas/ Bélgica


Em seu romance, há uma reverência sobre um relacionamento entre parceiros espirituais. Você pode descrever em que constitui uma relação completa e saudável entre um homem e uma mulher?

 

Para que haja uma relação espiritual, ja deve haver uma base sólida de amor presente entre os dois parceiros. Cada indivíduo deve ter a habilidade para a intimidade consigo mesmo, e harmonia com sua dualidade interior. O casal então pode viver uma vida amorosa juntos sem a necessidade de exercer poder sobre o outro, e certamente, acima de tudo, sem esperar que o outro preencha o amor em seu lugar. Este relacionamento então se torna uma cura; uma opção para enfrentar, com a cabeca erguida, a dor e as feridas emocionais do outro, para então elevar-se e levantar-se acima deles; para purificar-se. Nós não podemos amar verdadeiramente o outro sem primeiro reconhecer sua própria fonte de sofrimento. Uma vez que este estágio passa, o amor naturalmente se desdobra através da fonte divina e permite amor incondicional; um amor que une completamente os dois parceiros, em toda sua grandeza e beleza, independente do peso das sombras que combriam isso anteriormente.

 


 

Ulrike Hoffmann – Frankfurt/ Alemanha


Como podemos vivenciar outra dimensão, uma além da física em que vivemos?

 

É possivel vivenciar outras dimensões através do silêncio profundo ou durante o sono. E na profundidade do silêncio que a maior parte da nossa atenção, se não toda, é focada além de nossas percepções cotidianas. Por isso é possivel perceber outra realidade por trás de um mundo de aparências. Na verdade, esta é a base da meditação; através do silêncio da mente, nós somos capazes de transcender em outras dimensões.

 


 

Fabrice Diawara – Abidjan/ Costa Ivory


Qual a importância dos sonhos?

 

Quando nós estamos sonhando, estamos acessando uma consciência que é menos densa e menos condicionada que a nossa consciência em estado de vigília. Sonhos nos permitem vivenciar uma realidade diferente. Existem três tipos diferentes de sonhos: o sonho comum, o qual é o mais frequente, permite liberar a tensão limpando nossa memória visual, tática e auditiva; o sonho lúcido, no qual nós estamos conscientes do fato de que estamos sonhando, e em quais situações nos encontramos preparados para certos eventos da vida real; e o terceiro tipo, o mais extraordinário de todos, é o sonho excepcional, o qual é realmente uma projecao astral. Isto é, literalmente quando nós deixamos nossos corpos durante o sono e entramos em uma jornada do mundo astral e para outras dimensões.

 


 

Oscar Arandas – Guadalajara / México


Transcender significa retirar-se do mundo?

 

Transcendência espiritual não significa deixar o mundo; muito pelo contrário, na verdade, significa penetrar mais profundamente no mundo. E também não significa pausa em relação aos outros. Transcender é fazer ou agir sem a tentativa de impor alguém em uma situação mostrada. Em outras palavras, transcender consciste em fazer sem atribuir um lugar central em si mesmo, e sem a opinião antecipada ou preocupação da impressão que passamos para os outros através de nossos atos – fazendo sem egoísmo para o bem de todos.